Polícia captura em Goiânia suspeito de matar professor de inglês em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio

Crime

Cláudio Cardoso foi encontrado morto dentro de uma cisterna

O suspeito de assassinar o professor de inglês Cláudio Cardoso Luiz, de 52 anos, na Região Metropolitana do Rio, foi preso em flagrante um dia após o crime, na última quarta-feira (14), na cidade de Goiânia (GO).

A ação foi realizada por agentes da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) em conjunto com policiais civis de Goiás. Após o crime, as investigações apontaram que Agnaldo de Mesquita Pedrosa estava se deslocando para Goiás, onde tem parentes. Ele foi preso pelos policiais das duas instituições no interior de um ônibus, que ia em direção a Anápolis.

Segundo o apurado, a vítima e o acusado mantinham uma relacionamento marcado por vários desentendimentos e discussões. Após mais uma briga, Agnaldo esganou e matou Cláudio, ocultando o corpo na cisterna da casa. Além disso, ele furtou e vendeu um notebook da vítima.

De acordo com a DHNSG, o homem confessou os crimes. Contra ele, havia também um mandado de prisão por furto qualificado, da Justiça de Goiás, que também foi cumprido na ação.